Cidade de São Paulo
USP
Promoção
Prorrogação de prazo para envio de resumos
Inscrição em oficinas e visitas técnicas

Apresentação

             O Simpósio Brasileiro de Educação em Solos é um evento realizado a cada dois anos, promovido pela Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (SBCS) e organizado por um grupo de pesquisadores vinculados às instituições de ensino superior que investigam e desenvolvem trabalhos na área de ensino e pesquisa de Solos.

O VIII Simpósio Brasileiro de Educação em Solos traz como tema principal “A educação em solos no meio urbano e a popularização da Ciência do Solo" e ocorrerá no Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo, localizada na cidade de São Paulo-SP e será realizado nos dias 07 a 10 de setembro de 2016.
O simpósio reunirá profissionais de todo o país que se dedicam à pesquisa em solos e atuam nas áreas do ensino, pesquisa e extensão em instituições públicas, privadas e organizações governamentais e não governamentais. 
O objetivo do evento é promover a discussão de temas concernentes ao ensino do solo por meio dos agentes de divulgação/promoção do conhecimento e das aplicação de práticas educativas e inovadoras na condução de pesquisas sobre a educação em solos. A realização do Simpósio reforça a importância do ensino do solo e de uma visão pedagógica para o trabalho de uso e conservação do solo de formas sustentáveis.
A discussão do tema proposto para o VIII Simpósio Brasileiro de Educação em Solo busca possibilitar a difusão do conhecimento do ensino do solo em uma perspectiva de integração natureza/sociedade, estimulando a articulação e a troca de ideias, informações, experiências e conhecimentos entre os participantes do simpósio, formado por pedagogos, geógrafos, agrônomos, biólogos, geólogos e químicos, professores, pesquisadores, acadêmicos e profissionais das demais áreas voltadas para a temática do simpósio.
A realização do Simpósio em uma grande cidade como São Paulo será uma oportunidade para divulgação das pesquisas e ações relacionadas à educação sobre o uso e conservação dos solos desenvolvidas a partir da realidade do meio urbano.
Dentro a temática central do Encontro, as discussões ocorrerão seguindo diferentes eixos temáticos desenvolvidos em atividades como palestras, mesas redondas, apresentação de trabalhos em sessões de posteres e apresentações orais, grupos de trabalho, oficinas e atividades de campo.
 
Histórico do evento

A preocupação de docentes com a educação em solos vem permeando as atividades da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (SBCS) desde a sua fundação em 1947. No II Congresso Brasileiro de Ciência do Solo (CBCS), realizado em 1949, houve a apresentação de um trabalho sobre o tema. Nesse evento havia a Comissão VII, intitulada “Uniformização dos Métodos de Estudo e de Representação do Solo e Ensino de Ciência do Solo” (Beck e Spier, 1991). Todavia, conforme destacam Fontes et al. (1995), até o XXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, realizado em 1987 em Campinas, foram registrados apenas dois trabalhos sobre ensino de solos, nos Anais da SBCS. Além disso, nos 41 primeiros números da Revista Brasileira de Ciência do Solo (RBCS), lançada em 1977, não houve nenhum trabalho publicado sobre Educação em Ciência do Solo (Beck e Spier, 1991).

A partir do XXI CBCS a participação da Comissão VII tornou-se constante, com trabalhos e discussões em plenário e a partir de 1991, passou a constar como Comissão organizada, tendo os representantes escolhidos pela SBCS e com revisores indicados para a RBCS. Em novembro de 1992 foi estabelecida uma proposta de Objetivos Gerais para a Comissão VII e durante o XXIV Congresso, realizado em Goiânia em 1993, um grupo de professores se articulou e iniciou uma série de discussões que visavam a consolidação dessa Comissão. Essas discussões culminaram com a realização do I Simpósio Brasileiro de Ensino de Solos (SBES), que aconteceu em novembro de 1994, na Universidade Federal de Viçosa (MG) (Fontes et al., 1995). Após, foram realizados o II Simpósio, em 1995, organizado pelo Departamento de Solos do Centro de Ciências Rurais da Universidade Federal de Santa Maria (RS) (Eltz e Dalmolin, 1996), e o III Simpósio, em 1996, na cidade de Pato Branco (PR), organizado pelo então denominado CEFET-PR (atualmente Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UTFPR) (Braida, 1997). Os anais destes eventos se constituem em importantes documentos para profissionais que se dedicam à formação de recursos humanos por meio da educação e da popularização do conhecimento na área de Ciência do Solo. Em 2008 foi retomada a realização do SBES, com a realização do IV Simpósio, o qual foi organizado pelo Departamento de Ciência do Solo da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo. Nesta oportunidade foi definido que o SBES passaria a ter periodicidade a cada dois anos e que a próxima sede do evento seria em Curitiba (PR). No CBCS, realizado em 2009 em Fortaleza (CE), a comissão da SBCS passou a ser denominada de “Comissão de Educação em Solos e Percepção Pública do Solo” e, por conseguinte, o evento passou a ser denominado de “V Simpósio Brasileiro de Educação em Solos”, realizado em Curitiba (PR), no ano de 2010. Em 2012, ocorreu o VI SBES na cidade de Sobral (CE), sendo escolhida a cidade de Recife (PE) como sede do VII SBES em 2014. Em 2016 a cidade de São Paulo abrigará o VIII SBES.

Atualmente, O Simpósio Brasileiro de Educação em Solos faz parte da Divisão 4 – Solo, Ambiente e Sociedade, da Sociedade Brasileira de Ciência do solo.

 

Edições anteriores: VSBESVISBESVIISBES.